segunda-feira, 7 de dezembro de 2015


Para começar esta bela terça-feira, vamos tomar um bom copo de conhaque para nos manter aquecidos e falar de um assunto delicado para machos: traição.




Bom, poucos são os homens que conseguem manter o “sangue frio” diante de tal situação, mas, não desanime se você não consegue ter o tal “sangue frio”, pois ai vão algumas dicas de como comportar-se diante do possível acontecimento e o principal: por que comportar-se de  tal maneira.

Primeiramente, você caro leitor, como homem,  deve ter em mente que agredir uma mulher é uma das melhores formas de ser visto como um puta covarde, logo, se diante desta situação você agride sua companheira, terás inimigos mil ou melhor dizendo, será eternamente julgado, além é claro, da famosa Maria da penha. Portanto ai está o primeiro bom motivo.

O segundo bom motivo é, um bom homem, sério e de boa conduta, jamais perderá a compostura diante de um fato como este(se assim fizer perderá a razão), portanto mostre que você tem boa compostura e mantenha-se com a razão (seja o dono da razão), não chore como uma menininha (pois se mostrará um fraco e fracassado), não grite como uma criança que implora algo a mamãezinha (pois se mostrará infantil e desequilibrado), não faça como os valentões suicidas nem tampouco como os covardes homicidas, apenas sente-se, cruze as pernas se possível for, ponha uma de suas mãos no queixo, respire fundo, erga a cabeça, engrosse a voz e converse como um homem olhando nos olhos de quem lhe fez o mal. Esta caros leitores é a postura de um homem sério e pensativo que exprimi uma leve imagem de sabedoria face as adversidades da vida.

O terceiro motivo é uma simples arma de defesa e chamaremos ela de ORGULHO. Sim, ele é necessário diante destas situações, é ele quem fará você pensar em ser uma besta quadrada que será eternamente chamado de touro ou uma pessoa relativamente feliz. Pense comigo... Se o homem foi traído a primeira vez e perdoa, temos um verdadeiro “calça frouxa”, visto que ele foi tranquilo e aceitou -uma demonstração do que é querer e não ser querido-, e é bem obvio que será traído novamente, entenda de uma vez animal: se a pessoa lhe trai ela não é leal a você, não comunga os mesmos caminhos que você (e não estou falando só de namoro, noivado ou casamento, também digo isso no profissional, na amizade etc). Portanto, seja orgulhoso e não ligue para aquelas baboseiras de “olha vai morrer sozinho”, acreditem amigos, mais vale uma século sozinho do que uma semana em má companhia (até porque uma semana em má companhia seria mais que suficiente para destruir uma século de existência).

Assim sendo concluímos o raciocínio explicando o por que comportar-se de tal maneira.

Agora vamos assistir a esses exemplos, um deles é um verdadeiro bosta rala, o outro é um exemplo de como se comportar:



Como podemos observar no vídeo acima, este é o exemplo de como ser um bom moleque!
Faz espetáculo, quebra as coisas, irrita-se com o que não vale a pena (não vale a pena pois foi traído, portanto tinha ao seu lado uma pessoa que talvez não o merecesse). Este ai é um claro exemplo de um cara que nunca mais vai chegar perto de namorar, noivar, casar e quem dirá transar (sem ser com uma prostituta), exemplo de idiota imbecilizado, caso ele consiga esta façanha, garanto a ti leitor, não durará um mês e a moça sumirá da vida deste menininho.

Roda o próximo vídeo que este me deu náusea!



Já neste vídeo temos o exemplo de como ser “sangue frio”.
O cara entra em casa, dá o flagrante, acompanha o “malandrão” até a porta, fala meia dúzia de palavrões, e o vídeo infelizmente acaba. Mas pela postura dele ao dar o flagrante já se nota que o cara é bom! Possivelmente este foi o cara que voltou pra dentro de casa, tomou um banho, conversou com a “ex-posa” e ela teve que retirar-se com suas bugigangas de dentro de casa, este é o tipo de cara que na semana posterior ao ocorrido já estaria pronto para iniciar um novo relacionamento, ou até mesmo viver na “putaria” de uma vez por todas.


Fazendo uma observação, temos que lembrar que, traição no relacionamento homem e mulher (traição por parte da mulher), deve ser desconsiderada quando o cidadão namora uma menina de 15, 16 ou 17 aninhos. Porra, como assim? Traição é traição cara!
Pois é! Ocorre que uma
menina nesta idade não tem  discernimento para um namoro sério, logo, você não tem nem que reclamar. Desculpe amigo que vive esta situação, mas esta é a realidade, com 16 anos a moça ainda está se conhecendo e conhecendo a outros e outras, logo, ela estará rodeada de malandrões querendo “sugar seu sangue e comer da sua carne”, portando será bem arriscado e claro é óbvio que ela será tentada a envolver-se com outros caras. Mas se você gosta, por sua conta em risco.

De toda esta baboseira podemos ter a certeza de duas coisas: ou você é homem macho (preparado para lidar com as mais diversas situações) ou é um moleque que ainda vai quebrar muito a cara, responder a processos e quem sabe, até poderá ser preso por agredir uma “mulher indefesa”.

De qualquer forma senhores, este é meu mero pensamento a respeito do assunto, nunca se esqueçam: nessas horas quem manda é o coração, ou seja, continuem trouxas.




Diego Valadares.